×
SESC

15 Set 2017 09h34

Como ajudar uma pessoa querida que desencarnou de forma violenta?

Como ajudar uma pessoa querida que não tinha conhecimento da vida após a morte, e nem se preocupava com estas questões, vindo a desencarnar de forma súbita e violenta? Sinto a presença dele muito forte entre nós...


“Os Espíritos sofredores suplicam por preces, que lhes são úteis, pois, ao perceberem que alguém pensa neles, sentem-se menos abandonados, tornam-se menos infelizes. Além disso, a prece tem sobre eles uma ação mais direta: aumenta-lhes a coragem, estimula neles o desejo de se elevarem pelo arrependimento e pela reparação e pode desviá-los do pensamento do mal. É nesse sentido que ela pode não só aliviar, como também abreviar-lhes os sofrimentos. "
Allan Kardec. O Evangelho Segundo o Espiritismo, cap.XXVII. ítem 18. Editora Auta de Souza

As preces pelos Espíritos que acabam de deixar a Terra não somente possuem o objetivo de dar-lhes um testemunho de simpatia, mas também ajudá-los no desligamento e, assim, abreviar a perturbação que sempre acompanha a separação e, ainda, tornar-lhes mais calmo o despertar. Mesmo nessa circunstância, como em qualquer outra, a eficácia está na sinceridade do pensamento e não na abundância das palavras, ditas com mais ou menos pompa, nas quais, mais frequentemente, o coração em nada participa. 
As preces que partem do coração ressoam em torno do Espírito a que se dirige, cujas ideias estão ainda confusas, como as vozes amigas que nos despertam do sono. 
Allan Kardec. O Evangelho Segundo o Espiritismo, cap.XXVIII. ítem 59. Editora Auta de Souza